Noivado: Juliana & Yuri


Aperte o Play...




Juliana e Yuri reuniram os familiares e amigos para comemorar  o noivado. O pedido aconteceu nas férias na Toscana, em cima de um balão, uma história linda! 
Confiram as lindas palavras do noivo:

“Logo que voltei de uma viagem a Paris em Dezembro de 2013, minha sogra me disse que eu tinha perdido a oportunidade perfeita pra pedir a filha dela em casamento, porque a Torre Eiffel era o lugar mais romântico do mundo. Eu respondi que não achava o lugar certo e tinha em mente um outro melhor. Não falei qual era o lugar na época, mas  agora posso falar: um passeio de balão no interior da Toscana… E digo os motivos:
1) Densidade do passado: a Torre é de 1889, nem existia quando nossos antepassados italianos chegaram ao brasil. Já esta paisagem que nós pudemos admirar está aí há séculos, há milênios. Um tempo incomparável aos cento e poucos anos que a torre Eiffel está em Paris. É essa densidade que quero pra nossa história.
2) Futuro: além de estar de pé há pouco tempo, nós não sabemos até quando vai durar aquela torre, pois não é impossível que ela seja derrubada por catástrofes ou até mesmo pelas mãos dos homens que a fizeram. Já estas planícies e este céu vão durar muitos milênios depois que todos nós já tivermos passado. É essa solidez que quero pro nosso futuro.
3) Substância (natural x artificial): como já falei antes, a torre pode ser derrubada pelo homem, porque foi feita pelo homem. Ela é um monumento artificial, de ferro, parafuso… friamente calculado. Este cenário da Toscana é o total contrário: natural, feito com a espontaneidade própria da natureza. Eu quero um amor natural, não sentimentos artificiais.
4) Ponto fixo vs. Liberdade : a torre é fixa num ponto, eternamente presa ao chão e sempre contemplando o mesmo horizonte, sem surpresas. Este balão não. Ele é livre pra voar e a cada jornada a viagem jamais será igual a qualquer outra, pois a rota fica ao sabor do vento. Sempre uma nova paisagem, uma nova aventura, um novo caminho. É essa liberdade e essas novidades que quero pra nós, não estar preso ao mesmo horizonte eternamente.
Por fim…
5) Glamour vs. Simplicidade: a torre é glamourizada e elitizada. Quem olha pra torre pensa em dinheiro, luxo e sofisticação. Já este cenário é o mais simples e natural possível, como o amor e a vida devem ser. Eu quero nossa felicidade seja encontrada nas coisas simples, como contemplar esta paisagem, este sol, este céu e este momento. Não quero felicidade dependente de glamour, sofisticação e dinheiro.
São esses os 05 pontos que eu quero no nosso amor. Então é aqui… no país em que tantos Marangonis e Brottos se uniram e formaram famílias no passado, se perpetuando no tempo até poderem trazer uma Juliana Brotto Marangoni pra mim. Onde também Laguardias e Avancis formaram família pra que fosse possível um dia eu nascer e encontrar a pessoa certa… É aqui, onde podemos olhar até a origem dos tempos e ver nosso passado, que escolhi como lugar pra apresentar o nosso futuro, nosso novo futuro, que faremos durar com nossas gerações vindouras tanto quanto durou esse passado. Neste lugar que pra nós é tão histórico e importante, eu fiz a pergunta de igual importância, a mais importante que eu já fiz e farei: “quer casar comigo?”

Mais um pouco da história e do vídeo do pedido você confere no blog: http://www.pegueiobouquet.com/pedido-casamento-yuri-juliana/

Vejam as fotos de comemoração!
 
 


Sobre o pedido de casamento:



Gostou das nossas fotos? Solicite seu orçamento no contato@dammfotografia.com.br





0 comentários:

Postar um comentário

 

Sobre

Somos a família Damm (Juliana, a princesa Ester e Eric), uma família apaixonada por Deus e pelo amor imerecido ...

http://www.dammfotografia.com.br/p/sobre.html

Instagram

Damm Fotografia - Fotografia de Casamento e Família © | Desenvolvido por Onze Web.